No México, Telefónica utilizará capacidade de rede móvel da AT&T

A Telefonica Movistar e a AT&T celebraram um acordo que permitirá à filial mexicana do grupo espanhol utilizar, em última milha, a capacidade da rede móvel da concorrente. Formalizada nesta última quinta-feira, 21, a parceria é válida no 3G, 4G e em eventuais novas tecnologias de rede – como é o caso do 5G.

De longo prazo, o acordo tem vigência mínima de oito anos e passa a valer imediatamente. Segundo a Telefónica, além de estar alinhado com tendências internacionais de redução do tempo de expansão de redes, a parceria com a AT&T permitirá alocação mais eficiente de recursos para que a empresa siga competindo "em um mercado dominado por um agente preponderante". No México, a líder do setor é o grupo América Móvil, que no Brasil detém a Claro.

Do ponto de vista financeiro, a Telefónica projeta impacto positivo de 230 milhões de euros no fluxo de caixa a partir do terceiro ano da parceria, além de ampliar possibilidades de retorno de capital e de uma possível redução de 500 milhões de euros na dívida líquida da companhia. Já os termos financeiros do acordo propriamente dito não foram revelados.

A migração do tráfego para a rede da AT&T será gradual. A Telefónica também destacou que elementos como billing, precificação, qualidade e portfólio de clientes seguem sob sua gestão, bem como redes de transporte e plataformas. "A AT&T não terá qualquer visibilidade ou influência sobre as operações da Telefonica Movistar", pontuou a empresa, em comunicado.

Ao fim de setembro, a Movistar somava 26,9 milhões de clientes móveis no México, enquanto a AT&T reunia 18,6 milhões.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.