Publicidade
Início Newsletter Vero pode retomar IPO em 2022 ou 2023, afirma CEO

Vero pode retomar IPO em 2022 ou 2023, afirma CEO

Fabiano Ferreira, CEO da Vero Internet

A decisão da Vero de adiar a oferta pública inicial de ações (IPO) da empresa não muda o planejamento definido pela operadora, que pretende retomar o processo em 2022 ou 2023 – dependendo sobretudo do cenário macroeconômico.

“Se não der em 2022, em 2023 vai acontecer”, afirmou ao TELETIME o CEO da Vero, Fabiano Ferreira. “Desde 2019 sabemos que em quatro ou cinco anos abriríamos o capital. Tentamos fazer antes por conta do sucesso em 2021 e tivemos mais de 100 reuniões com o mercado investidor, mas infelizmente veio o cenário macroeconômico”.

Ferreira nota que leitura semelhante foi realizada pelo mercado, visto a paralisação de IPOs no Brasil a partir de setembro passado. Além de mudanças significativas no contexto nacional (como alta da inflação, da Selic e do dólar), o cenário internacional também pesou contra. “Com a taxa de inflação norte-americana sendo maior, acaba drenando mais investimentos para lá”, notou o CEO.

Notícias relacionadas

Para 2022, a previsão é de um quadro ainda desafiador, sobretudo com as incertezas do momento eleitoral; ainda assim, a Vero segue atenta para a possibilidade de uma janela para a retomada. “Se houver momento certo, com mercado respondendo bem e questão macroeconômica também, podemos aproveitar”.

De qualquer forma, a opção de deixar o passo apenas para o ano que vem não é descartada. “Até lá o mercado vai voltar. Em 2023, a discussão política já vai ter saído da mesa”, apontou Ferreira.

No meio tempo, o status de companhia aberta (ainda que sem negociação em bolsa) e o “alto nível de governança” exigido para a categoria devem trazer outras possibilidades para a empresa, como acesso à capital por meio de debêntures. Em dezembro passado, a companhia anunciou sua primeira emissão de debêntures, no valor de R$ 350 milhões.

Em 2021, a Vero registrou o melhor desempenho nos três anos de operação da empresa. A provedora encerrou o ano com 610 mil clientes de banda larga, presença em 180 cidades de quatro estados e 24 mil km de redes de fibra óptica.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sair da versão mobile