Quem lançar 4G primeiro levará vantagem, diz chairman do WiMAX Forum

Na abertura do congresso latino-americano do WiMAX Forum, nesta quarta-feira, 3, no Rio de Janeiro, coube ao chairman da associação homônima, Ron Resnick, o papel de provocar a tecnologia concorrente, o LTE (Long Term Evolution). "LTE não é exatamente uma 'evolução', como diz seu nome. Afinal, ele demanda espectro novo das operadoras", criticou. A apresentação do executivo centrou-se principalmente na vantagem de o WiMAX já estar disponível comercialmente no mundo, enquanto o LTE ainda se restringe aos laboratórios. Basicamente, Resnick acredita que as operadoras que lançarem 4G primeiro levarão vantagem sobre as demais. Ele usou o exemplo da Hutchinson com 3G na Inglaterra: "Saindo na frente você conquista muito clientes. A Hutchinson foi a primeira a lançar 3G na Inglaterra e tem até hoje a liderança em market share lá, com 3,5 milhões de usuários, mesmo enfrentando competidores fortes como a Vodafone", comparou.

Números

Segundo o WiMAX Forum, existem hoje 403 redes WiMAX construídas ou em construção em 133 países. Em 2012, a associação prevê que haverá 133 milhões de usuários de WiMAX e menos de 10 milhões de LTE. Atualmente, há cerca de 100 equipamentos certificados pelo WiMAX Forum. Em 2011 serão aproximadamente 430, prevê Resnick.

Notícias relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.