Compra da Vogel pela Algar Telecom é aprovada pela SG do Cade

Anunciada no último mês de maio, a compra da Vogel Telecom pela Algar Telecom recebeu parecer de aprovação sem restrições por parte da Superintendência-Geral (SG) do Cade.

O despacho com a decisão foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira, 28, após a SG concluir que não há risco de fechamento no mercado nem preocupações concorrenciais decorrentes da operação.

Para tal, foram avaliados impactos nos mercados de infraestrutura, de banda larga fixa (SCM) e de telefonia fixa (STFC). Neste último caso, um eventual efeito foi considerado bastante limitado, visto que a Vogel contava em 2020 com apenas 1.171 acessos.

Notícias relacionadas

Já no mercado de SCM, foram citados 169 municípios com sobreposição horizontal ou potencial reforço de integração vertical entre as atividades da Vogel e do grupo Algar. Ainda assim, com exceção de Nova Lima (MG) e de Eldorado do Sul (RS), em todas as cidades mapeadas o número de acessos da dupla em banda larga fixa será menor que 3%.

Por último, foram acatados argumentos de que a integração vertical no mercado de infraestrutura não traria riscos concorrenciais. A dupla afirma que mesmo em municípios com sobreposição entre a Algar e a Vogel, existe pelo menos um outro grande provedor (Claro, Oi, TIM ou Vivo) de fibra óptica com poder de mercado significativo.

Neste sentido, também foi destacada uma "reduzida representatividade" da infraestrutura das partes ante concorrentes em nível nacional como a InfraCo e a FiBrasil.

Oportunidade

Ainda assim, o negócio foi classificado como "uma boa oportunidade de investimento" para a Algar ampliar sua infraestrutura e capacidade de oferta de soluções em todo o País. Já para a parte vendedora, a operação possibilitará a realocação de recursos e a concentração de esforços "em outros projetos de interesse". A Vogel faz parte do portfólio do fundo Pátria.

Avaliado em R$ 600 milhões, o contrato entre as empresas prevê a compra, pela Algar, de 85,2% até 100% da operadora focada em atacado e no mercado B2B. Com isso, a companhia mineira incorpora um backbone de 27 mil km de fibra óptica da Vogel, que suporta uma operação com presença em 150 cidades em 13 estados e no Distrito Federal. No total, a rede da Algar ficará com mais de 110 mil km de fibra.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.