Foxconn adquire participação na Sharp por US$ 1,6 bilhão

A Foxconn anunciou que investirá US$ 1,6 bilhão na compra de uma unidade de fabricação de telas da fabricante japonesa Sharp. Segundo analistas internacionais, o movimento seria parte de uma ofensiva da Apple (maior parceira da Foxconn) para reduzir sua dependência em relação a Samsung no fornecimento de displays.

A Apple estaria tentando diversificar suas fontes para a fabricação de telas, especialmente do novo modelo RetinaDisplay utilizado nas novas versões do iPhone e do iPad. A Samsung é atualmente a única empresa do mundo a fabricar esse tipo de tela em escala e tempo suficientes para atender à demanda da Apple. As outras duas empresas capazes de produzir o material, Sharp e LG, ainda não têm escala suficiente.

Para aumentar o poder de fogo da Sharp, a Foxconn anunciou hoje a compra de 9,9% da Sharp e de 46,5% da Sharp Display Products, uma joint-venture da empresa com a Sony especializada na produção de tecnologias de display.

Trata-se da maior aquisição de uma empresa japonesa por um grupo taiwanês na história. O acordo inclui um compromisso de aquisição de 50% dos displays LCD produzidos pela Sharp. A empresa começará a entregar no mês que vem telas produzidas com sua tecnologia IGZO para a Apple, que assim aposta na redução de sua dependência do material fornecido pela Samsung.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.