Anatel adia consulta do edital de 5G por 15 dias, e pode fazer novos adiamentos

O conselho diretor da Anatel adiou por 15 dias, a partir do dia 2 de abril, o prazo para a consulta pública do edital de 5G. A decisão foi unânime, e deixou aberta a possibilidade de novos adiamentos. A nova data se deu em função do pedido de algumas entidades (SindiTelebrasil, Sindisat e Oi), mas posteriormente à instrução do processo apareceram outras manifestações, como da Abinee (que representa os fornecedores de equipamentos) para um adiamento de todos os prazos de consulta, em função da crise de COVID-19. Diante disso, a chance de um atraso maior no cronograma inicia do leilão e 5G é real, caso a Anatel venha a acolher novos pedidos.

Além disso, o Comitê de Espectro e Órbita da Anatel já havia, na semana passada, dado mais uma semana de prazo para a realização dos testes de campo sobre interferências das transmissões de 5G em 3,5 GHz nos sinais da banda C do satélite. Possivelmente nesta sexta haverá nova manifestação, visto que o acesso ao Centro Técnico da Claro, onde está a base dos testes, está comprometido pelas restrições de circulação no Rio de Janeiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.