Publicidade
Início Newsletter Feninfra se posiciona contra bloqueio da Huawei no 5G

Feninfra se posiciona contra bloqueio da Huawei no 5G

Vivien Suruagy, presidente da Feninfra

Para a presidente da Federação Nacional de Infraestrutura de Redes e Telecomunicações (Feninfra), Vivien Suruagy, o governo brasileiro não deveria interferir no mercado com uma eventual proibição de equipamentos chineses, como da Huawei e ZTE. Em comunicado nesta quarta-feira, 25, a executiva destaca a importância da chegada da tecnologia 5G, e que isso ressalta a necessidade de o setor buscar mais eficiência de investimentos sem “limitação de determinados fornecedores e tecnologias”.

A presidente da Feninfra coloca que, mais importante do que restringir a competição, seria zelar por boas práticas e exigir equipamentos homologados e certificados pela Anatel, bem como qualidade da mão de obra e garantia de segurança das redes. Naturalmente, chamando atenção para a necessidade de manter a soberania e segurança nacional.

“Proibições numa economia de mercado não são princípios do comércio global, e certamente significaria aumento nos custos, afetando toda a economia, num danoso efeito em cascata, considerando a importância vital da internet e das telecomunicações para todos os setores de atividade.”

Notícias relacionadas

Suruagy destaca ainda que a preocupação com a segurança nacional não deve ser restrita a produtos chineses, mas a equipamentos de todos os países estrangeiros. Mas ressalta: “Todos os fornecedores, independentemente da origem, têm comprovado até o momento serem fiéis ao lema soberania e segurança nacionais”. 

A manifestação da líder da Federação acontece no dia seguinte à crise diplomática causada por críticas do filho do presidente Jair Bolsonaro, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-RJ), à cibersegurança no 5G e ao Partido Comunista da China. A Embaixada da China no Brasil divulgou na noite da terça-feira, 24, comunicado rechaçando as acusações e ameaçando o governo brasileiro de “consequências negativas”. 

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sair da versão mobile