Publicidade
Início Newsletter TIM: voz sob 5G depende de esforço entre operadoras

TIM: voz sob 5G depende de esforço entre operadoras

Foto: Pexels

[Publicado originalmente no Mobile Time] A tecnologia de voz sob a rede 5G (Voice over New Radio ou VoNR) dependerá de um esforço das operadoras para que exista interconexão. A informação foi compartilhada pela TIM exclusivamente com Mobile Time após a operadora realizar a primeira ligação teste baseada no novo padrão na última segunda-feira, 17, em parceria com a Huawei.

“O VoNR poderá funcionar entre operadoras. Desde que as demais tenham a tecnologia em funcionamento”, respondeu a companhia por e-mail.

A tecnologia de voz sob 5G foi apresentada a partir do release 16 do 3GPP e o padrão do 5G standalone (SA), que foi liberado em junho de 2020. De acordo com as especificações aprovadas, o VoNR é uma evolução da tecnologia de voz sob 4G (VoLTE) e traz alta qualidade às ligações de áudio e vídeo, à mensageria via RCS, além de oferecer baixa latência e mais rapidez para fazer a ligação.

Notícias relacionadas

Em outubro do ano passado, a GSA contabilizou 16 empresas que anunciaram investimento neste tipo de serviço: em oito, o VoNR está em teste; três planejam instalar em breve; uma está com lançamento nos primeiros estágios (soft-launch); e outra oferece o VoNR como parte de sua oferta 5G no padrão standalone (5GSA).

Como funciona

De acordo com documento explicativo da Huawei, em estágio de desenvolvimento, o VoNR dependerá da voz sob 4G (VoLTE) como apoio, tanto que o 3GPP determinou que a arquitetura seja basicamente a mesma, mas com acréscimo do core de rede 5G que evolutivamente trará melhorias e permitirá desligar o módulo VoLTE no futuro.

“Embora os serviços de dados vão guiar a evolução do 5G, a comunicação e serviços de voz e vídeo ainda são importantes para as operadoras”, diz trecho do documento. “A indústria (de telecomunicações) precisa usar o VoNR para entregar soluções de voz e vídeo no 5G. Portanto, a voz sob 5G precisa incluir a arquitetura do VoLTE”, completa.

Outro documento, da 5G Americas, explica que há soluções para implementação de roaming, interconexão e intrarrede para os núcleos de rede pela GSMA no VoLTE, o que permitiria a relação entre operadoras.

Realidade

Contudo, as operadoras brasileiras até hoje não fizeram essa conexão na voz sob 4G, ou seja, os clientes das companhias só podem usar o VoLTE em ligação de dentro da operadora.  Ou seja, o cliente da TIM só terá ligação com VoLTE com usuário da TIM.

Vale dizer ainda que, assim como o VoLTE, o VoNR depende de terminais (smartphones e tablets, por exemplo) que estejam aptos para essa tecnologia.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sair da versão mobile