Próxima versão do Android tentará homogeneizar interface

A próxima versão do sistema operacional Android, criado pela Google para telefones móveis, procurará homogeneizar a interface com o usuário. O objetivo é acabar com a atual fragmentação da plataforma, provocada pela criação de interfaces distintas por variados fabricantes. O nome interno da nova versão do Android é "Gingerbread".
Nas primeiras versões do sistema operacional, alguns fabricantes criaram interfaces próprias para se diferenciar. Elas são quase como subplataformas do Android. É o caso da Motoblur, da Motorola, e da Sense, da HTC. O problema é que a tendência de fragmentação começa a assustar os desenvolvedores, que temem precisar se especializar nessas subplataformas na hora de criar aplicativos.
Na análise do site Rethink Wireless, a Google deseja controlar melhor a experiência móvel de seus usuários, tal como faz a Apple com o iPhone. Sua tarefa, contudo, é mais difícil, pois depende da parceria com fabricantes para a produção do hardware, ao contrário da Apple. Para o site, a Google talvez esteja superestimando seu próprio poder e esquecendo a necessidade de seus parceiros de se diferenciarem.

Notícias relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.