Anatel fará perguntas sobre metas de cobertura e investimentos para TV paga

O conselho diretor da Anatel, além d e ter aprovado a consulta pública do regulamento do Serviço de Acesso Condicionado, inovou e vai publicar também uma lista de perguntas sobre a conveniência ou não de se estabelecer metas de abrangência e compromissos de investimento em redes terrestres. A proposta foi feita pelo conselheiro Rodrigo Zerbone, e foi colocada porque no regulamento proposto não havia nenhuma obrigação. A questão é polêmica e vem sendo debatida pela Anatel em vários momentos há algum tempo. Inicialmente, essa proposta foi colocada no processo de revisão da regulamentação do Serviço de TV a Cabo, que sau para consulta mas foi abandonado com o advento do novo Serviço de Acesso Condicionado. Já o Plano Geral de Metas de Competição, que poderia tratar do tema e que também foi colocado em consulta, ficou sem esse tipo de obrigação. Sabe-se que o presidente da Anatel, conselheiro João Rezende, sempre foi contrário a colocar obrigações para operadoras de TV por assinatura, mas esta não é uma visão unânime dentro da agência. Com base nas respostas a estes questionamento, a Anatel pode ou não decidir incluir metas de cobertura para operadoras de TV paga.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.