Vivo oficializa Ericsson e Huawei como fornecedores de 4G

A Telefônica/Vivo oficializou nesta terça-feira, 4, Ericsson e Huawei como os fornecedores escolhidos para implementação de sua rede LTE 4G em todo o Brasil e, como antecipado pela matéria "Espaços preservados", capa da revista TELETIME de novembro, a distribuição geográfica dos fornecedores manterá a divisão que já existia para a rede 3G.

Assim, Ericsson manteve para si o core da rede 4G e a rede de acesso nas regiões Norte, Centro-Oeste e nos estados de São Paulo, Minas Gerais e Bahia, o que já havia sido anunciado pela Vivo em outubro. A Huawei, por sua vez, além das cidades de Fortaleza, Recife e Rio de Janeiro, onde haverá a Copa das Confederações e que a Vivo havia atribuído a ela em outubro pela urgência de cobertura, acabou por manter também as regiões Sul e Nordeste (com exceção da Bahia) e o estado do Rio de Janeiro.

A formalização da escolha da Vivo conclui a disputa dos fornecedores pelo mercado brasileiro de 4G. Pelo menos até que haja um novo leilão de espectro. No balanço final, com exceção da Oi – onde a Huawei foi preterida em favor de Ericsson e Alcatel-Lucent –, todas as demais operadoras móveis mantiveram no 4G seus fornecedores de 3G.

 

Confira os fornecedores escolhidos:

  • Claro: Ericsson (RJ, RS e SP); Huawei (Nordeste, Centro-Oeste, MG, ES e PR e SC); e Nokia Siemens (Norte).
     
  • Oi: Alcatel-Lucent, Ericsson e Nokia Siemens (a divisão geográfica ainda não foi divulgada).
     
  • TIM: Ericsson (Parte de SP e do Centro-Oeste, MG, BA e SE); Huawei (Sul, RJ e ES); e Nokia Siemens (CE, PB, PE, AL, RN, MA, PI e parte de SP e do Centro-Oeste).
     
  • Vivo: Ericsson (Norte, Centro-Oeste, SP, MG e BA) e Huawei (Sul e Nordeste [com exceção da Bahia] e RJ).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.