MCom busca apoio de parlamentares para que criem emendas para o programa Wi-Fi Brasil

O Ministério das Comunicações iniciou uma série de reuniões com as bancadas parlamentares estaduais com o objetivo de discutir em como ampliar a abrangência do programa Wi-Fi Brasil em todo o país. Nesta quarta-feira, 4 , representantes do ministério receberam deputados e senadores do Acre e, nesta quinta, foi a vez do Mato Grosso do Sul.

Nas reuniões, são apresentadas aos parlamentares as características do programa e como ele pode ajudar a democratizar o acesso à internet nos respectivos estados. Para isso, o MCom espera contar com a colaboração de emendas individuais, de bancada e de comissões, como forma de financiar a implantação de pontos de internet nas cinco regiões do Brasil. Atualmente, o programa utiliza a estrutura do GESAC (Programa Governo Eletrônico – Acesso ao Cidadão), que tem cerca de 12 mil pontos. A ideia é usar esses pontos para realizar a distribuição de acesso WiFi.

Execução das emendas

Notícias relacionadas

A iniciativa de se aproximar do Congresso Nacional começou ainda no ano passado, com a recriação do MCom. Em 2020, 100% das emendas que indicaram o Wi-Fi Brasil (GESAC) como destino do recurso foram executadas pelo Ministério das Comunicações. "Há áreas que não têm cobertura de dados de nenhum tipo, e a única forma de acesso à rede mundial de computadores é pelo sinal oferecido pelo Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações (SGDC)", diz o MCom em nota divulgada na noite desta quinta- feira.

Atualmente, há cerca de 13 mil pontos do programa espalhados por quase 2.900 cidades brasileiras. Os equipamentos públicos estão instalados sobretudo em escolas, onde estão instaladas mais de 9.600 antenas, especialmente em regiões rurais, além de postos de saúde, com 1.200 unidades. A rede do GESAC também atende também aldeias indígenas, quilombos, telecentros, postos de fronteira entre outros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.