Gartner: investimento global em redes móveis deve cair em 2020, mas dobrar no 5G

Foto: Pixabay

A consultoria Gartner divulgou nesta segunda-feira, 3, uma previsão sobre os gastos globais com infraestrutura de redes móveis em 2020. No geral, uma queda de 4,4% nos investimentos das operadoras é projetada para o ano, atingindo US$ 38,1 bilhões. Já o volume dos aportes em redes 5G deve praticamente dobrar (96%) e alcançar US$ 8,1 bilhões.

Dessa forma, a tecnologia de quinta geração representará 21,3% de todo o dispêndio das operadoras em 2020, contra 10,4% em 2019. Segundo a Gartner, um número crescente de players já está priorizando projetos de 5G, "reutilizando ativos atuais, incluindo redefinições de espectro das bandas de sinais, de estações base e de redes principais e de transporte, além da transição de gastos do 4G LTE para o modo de manutenção".

Os investimentos em 4G, por sua vez, devem recuar 20,8% e atingir US$ 16,4 bilhões: de acordo com a Gartner, eles devem ser ultrapassados pelo 5G já em 2022. Quedas também são esperadas no aporte em 3G e 2G ao longo de 2020, enquanto as implementações de small cells e de núcleo de rede (core) devem crescer em volume de aportes.

Segundo o Gartner, os dados da indústria neste ano foram afetados pela pandemia do novo coronavírus (covid-19), gerando em 2020 um ritmo de crescimento menor para os investimentos 5G – em 2019, a tecnologia cresceu mais de 500%. Vale notar que no ano passado, o aporte total em redes havia crescido 6,2%, frente a baixa de 4,4% projetada para este ano.

China

No momento, a China tem liderado os aportes em 5G, com 49,4% do investimento mundial em 2020 atribuído à região. Infraestrutura de baixo custo na região, o patrocínio do Estado e as barreiras regulatórias locais reduzidas são considerados pela Gartner como fatores importantes para o protagonismo.

A consultoria também destacou bloqueios enfrentados por fornecedores de infraestrutura em importantes mercados. Segundo a Gartner, o novo ecossistema de redes abertas em rádio (OpenRAN, ou O-Ran) pode minimizar o impacto das medidas geopolíticas no consolidado do investimento 5G.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.