OUTROS DESTAQUES
Internacional
Comcast desiste da fusão com Time Warner Cable
sexta-feira, 24 de abril de 2015 , 13h56 | POR REDAÇÃO

Agora é oficial. A Comcast e a Time Warner Cable (TWC) anunciaram nessa sexta-feira, 24, que resolveram abandonar a proposta de fusão das empresas, avaliada em US$ 45 bilhões. A decisão foi tomada após escrutínio dos reguladores norte-americanos que avaliou risco de que a gigante resultante da fusão teria vantagens injustas no mercado de TV, entretenimento e Internet.

O negócio uniria as duas maiores operadoras de cabo dos EUA, com quase 30% do mercado, e que juntas concentram mais da metade dos usuários de banda larga daquele país (cerca de 57%). O Departamento de Justiça norte-americano, por exemplo, chegou a afirmar que o negócio tornaria a empresa resultante em um "guardião (gatekeeper) inevitável" dos serviços de banda larga, ao passo que o presidente da FCC, Tom Wheeler, disse nesta sexta que a transação geraria um "risco inaceitável à competição e à inovação".

A fusão entre Comcast e TWC foi elemento importante nas discussões sobre neutralidade de rede nos EUA. Netflix e Comcast trocaram muitas farpas publicamente, onde a primeira acusava a Comcast de forçar acordo comercial para priorizar tráfego sob pena de degradação do serviço de entrega de vídeo da over-the-top (OTT). Nesse cenário, a fusão serviria apenas para "incentivar" a cobrança das OTTs.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
EVENTOS
Não Eventos
Top