TIM fecha primeiro acordo para instalação de small cells

Em conferência sobre os resultados financeiros do terceiro trimestre, o presidente da TIM Brasil, Rodrigo Abreu, revelou que a operadora já fechou seu primeiro contrato para instalação de small cells em áreas populosas. "Não vou entrar em muitos detalhes desse acordo, mas é um projeto que já começou, com implementações ainda pequenas. São 150 (small cells) sendo instaladas esse ano", conta. Abreu promete que o projeto deve ser acelerado no ano que vem, "com maior diversidade de contratos e fornecedores" e "sempre com foco em áreas densas, mais populosas".

Desoneração

Quando questionado por este noticiário sobre as implicações da norma aprovada pela Anatel que desonera do Fistel femtocells com até 1W de potência, Abreu comentou que este "já é um primeiro passo" e que "com 1W já dá para imaginar muitas aplicações" não apenas com femtocells, mas também com outras células  pequenas dentro do limite de potência. O comentário do executivo passa a ideia de que será possível desonerar do Fistel não apenas as femtocélulas, mas também micro e pico células, com interface aérea, filtros e demais funções de estação radiobase (ERB) – algo que ainda gera dúvidas e que só ficará claro quando a redação final do regulamento for conhecida.

"É um assunto novo não apenas para a Anatel, mas para o mundo, e uma tecnologia relativamente recente. Tem uma série de análises e esclarecimentos sobre a nova regulamentação que precisam ser feitos e vamos contribuir, mas a principal característica de limitação seria mesmo a potência de 1W", avalia Abreu, que acredita que "deva existir algo semelhante (em termos de desoneração) para patamares de 2W a 5W, que englobam as metrocells".

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.