Vivo firma parceria com empresa dos EUA para coleta de aparelhos

A Vivo firmou uma parceria com a ReCellular Inc., empresa de Michigan, nos Estados Unidos, que faz reciclagem de aparelhos celulares e acessórios. Pelo contrato, firmado pelo prazo de dois anos, a operadora recolherá em suas lojas aparelhos de qualquer marca ou operadora, que serão retirados pela Pyramid Seair, representante da norte-americana no Brasil. Os lotes serão enviados para os Estados Unidos para seleção do que poderá ser reutilizado ou desmontado para descarte. A Vivo receberá R$ 5 por aparelho que for reaproveitado e dois centavos por bateria. Toda a receita obtida será doada para instituições de caridade, garante o diretor de regulamentação da Vivo, Alberto de Mattos Júnior.
O vice-presidente da ReCellular, Mike Newman, disse a TELETIME News que todos os aparelhos coletados serão reciclados ou exportados para as instalações da empresa nos EUA. As unidades que estiverem muito danificadas ou com a tecnologia obsoleta terão seus metais reciclados, disse Newman. Os mais novos serão testados e vendidos para o mercado de usados ao redor do mundo. Mas, por exigência da Vivo, não poderão ser revendidos no Brasil. Mattos Júnior justificou que o objetivo é evitar fraudes.
Com quase 100 milhões de usuários móveis, o Brasil é um mercado atrativo para a ReCellular. Newman acredita que haverá um bom volume de handsets para reciclagem. Mattos Júnior calcula de 15 milhões a 20 milhões de aparelhos a serem recolhidos por ano. ?As pessoas não jogam fora e não sabem como reaproveitar?, disse ele.

Notícias relacionadas
O programa foi lançado há uma semana em 58 lojas de São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília, os principais mercados da operadora. Se o volume arrecadado e a operação forem viáveis para a ReCellular, o projeto será expandido para outros mercados.
A Vivo já tem um programa de arrecadação de baterias usadas que em 2005 coletou 47 mil unidades e de janeiro a outubro deste ano, 96 mil. A empresa doou R$ 190 mil este ano com este serviço.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.