Publicidade
Início Newsletter Claro, Embratel e Ericsson demonstram 5G standalone no ITA

Claro, Embratel e Ericsson demonstram 5G standalone no ITA

A Claro, a Embratel e a Ericsson realizaram nesta sexta-feira, 29, uma demonstração de casos de uso 5G standalone para o segmento aeronáutico. A ativação foi realizada no campus do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), em São José dos Campos (SP).

Para tal, uma licença científica experimental em 3,5 GHz foi disponibilizada pela Anatel à Claro, que também se valeu de soluções comerciais fornecidas pela Ericsson para instalar o 5G na instituição de ensino. Já a Embratel atuou como habilitadora da infraestrutura digital para os casos de uso.

A primeira demonstração foi resultado de um trabalho conjunto do ITA com a Embraer, as quais atuaram de forma remota e simultânea em um mesmo projeto de avião 3D. Baixa latência e alta resolução no software de design por meio da rede 5G foram apontados, bem como a possibilidade de desenvolvimento de produtos complexos de forma colaborativa e remota.

Notícias relacionadas

Em outra experiência, robôs móveis foram controlados e monitorados por meio de um dispositivo 5G de realidade estendida, antecipando usos em funções críticas do ambiente industrial com ajuda de cenário virtual criado pelo ITA.

Por último, uma solução de monitoramento móvel utilizou um vestível (wearable) adaptável ao pescoço, com quatro câmeras 4K acopladas e que permite visualização 360° de altíssima definição em circuito fechado. A tecnologia pode ser usada em resgates durante incêndios, verificação de suspeitos ou no suporte remoto a equipes, exemplificam as empresas.

”O acesso às tecnologias de ponta é de fundamental importância para o desenvolvimento de nossas atividades de ensino e pesquisa. A instalação da rede 5G no ITA é uma grande oportunidade para nós”, ressaltou o vice-reitor do ITA, Jesuíno Takachi Tomita, em comunicado.

SEM COMENTÁRIOS

Deixe seu comentário Cancelar resposta

Sair da versão mobile