Telefónica põe 5G na retransmissão e produção de conteúdo para TV

No MWC 2019, em Barcelona, a Telefónica apresentou uma nova forma de produção e retransmissão de conteúdo para televisão por meio da tecnologia 5G. Segundo a operadora, a solução permitirá que profissionais de mídia realizem coberturas em tempo real sem envolver grandes estruturas, desde que munidos de uma câmera de TV conectada ao sinal de quinta geração.

O projeto contou com tecnologia Ericsson, que forneceu equipamentos de rede, de rádio 5G, computação de borda (edge computing) e core de rede munidos de capacidades de latência e largura de banda necessários. A solução técnica do chamado TV5G foi desenhada pela espanhola Idronia Multimedia Solutions e também contou com smartphones Samsung Galaxy S10 5G.

Para tal, foram necessárias câmeras de televisão profissionais conectadas à rede 5G e capazes de enviar vídeos em alta resolução. Além disso, a rede móvel envolvida recebeu um software instalado na borda (ou em ERBs "muito próximas de onde as câmeras estão localizadas") para a recepção de imagens quase imediata, com latência baixa. Dessa forma, um repórter ou produtor de TV só precisaria de uma câmera de TV conectada ao 5G para viabilizar uma transmissão, desde que conectado remotamente a partir de um link de fibra ótica.

Responsável pelo projeto de Inovação da Telefónica Espanha, Juan Cambeiro classificou a tecnologia como habilitadora de uma "democratização da cobertura televisiva profissional por meio da capacidade de transmitir conteúdo muito local com recursos mais limitados do que os necessários até agora", como unidades móveis de TV.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.