Algar Telecom: Brasil precisa capturar a produtividade pelo 5G

Jean Borges, presidente da Algar Telecom

O Brasil precisa capturar a produtividade pelo 5G, advertiu o CEO da Algar Telecom, Jean Borges, ao participar da sessão O modelo de leilão do 5G no Brasil, no Painel Telebrasil 2020, nesta terça-feira, 22. O executivo também defendeu o melhor uso dos fundos setoriais, em especial o Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações (Fust) para a universalização efetiva do País e a desoneração de impostos para Internet das Coisas.

"O Brasil são vários Brasis e precisamos de todas as medidas para levar a inclusão digital para as localidades menores. O 5G vai chegar com a missão de minimizar as desigualdades e fomentar o desenvolvimento de forma mais igualitária", afirmou o CEO da Algar Telecom. Borges defendeu a participação das prestadoras de pequeno porte no avanço da banda larga para os municípios menores e para regiões menos atrativas. "Precisamos ter a garantia de que os recursos serão usados com eficiência e para ajudar o Brasil como um todo", adicionou.

Ao defender que no leilão 5G tenha uma parte do espectro destinado a prestadores de pequeno porte, o CEO da Algar Telecom descartou a defesa de uma 'reserva de mercado', mas disse postular um uso melhor do espectro de forma a atender a todas as demandas possíveis. Jean Borges admitiu que não é uma tarefa simples construir uma legislação e um edital para o 5G, até em função dos diferentes atores e agentes interessados. "Mas é certo que a Anatel terá de emitir uma regulação que traga segurança jurídica e uma rentabilização para o investimento capaz de promover a digitalização de todo o País como desejamos", concluiu.

Notícias relacionadas

O Painel Telebrasil 2020 terá também programação no dia 29 de setembro. Assista no site  www.paineltelebrasil.org.br.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.