Oi cria Oi Place, marketplace para venda de produtos e serviços

Diretores da Oi, Bernardo Winik e Roberto Guenzburger

[Publicado no Mobile Time] A Oi agora tem um markeplace digital, o Oi Place. Nele, são vendidos produtos relacionados à conectividade. O catálogo conta com mais de 3 mil itens, divididos em cinco categorias: casa inteligente; eletrônicos; games; telefonia celular; e informática e conectividade. Entre os parceiros estão Samsung, Motorola, Intelbras, TP-Link, D-Link, Xiaomi, dentre outros.

Qualquer pessoa pode comprar no Oi Place, mesmo que não seja cliente da operadora. Mas a companhia tem a intenção de no futuro combinar vouchers de descontos em determinados produtos para novos assinantes de seus serviços de conectividade. Os pagamentos são feitos por cartão de crédito ou boleto bancário.

O lançamento do Oi Place faz parte de uma estratégia da empresa de vender produtos e serviços que vão além da conectividade, complementando o sucesso do seu serviço de banda larga fixa em FTTH Oi Fibra, que passa hoje por 8 milhões de residências e conta com 1,9 milhão de assinantes – a projeção é alcançar 2,2 milhões até o fim do ano, e possibilidade de enfim ser comercializada em São Paulo.

Quando a empresa for dividida, conforme previsto em seu plano de reestruturação, o Oi Place ficará dentro da ClientCo, braço da Oi que não será vendido.

Curadoria

Vale destacar que ao contrário de outros marketplaces que são demasiadamente abertos, a Oi prefere controlar de perto a aprovação de parceiros e de produtos disponibilizados, em um processo de curadoria.

"Essa é uma preocupação muito grande da Oi. Em repetidores de Wi-Fi e Mesh, por exemplo, a gente teve o cuidado de testar a qualidade dos produtos e fomos cuidadosos na escolha dos parceiros. Temos um laboratório de engenharia no qual verificamos se de fato os produtos entregam o que prometem. Não vamos abrir o marketplace para qualquer um", esclareceu o diretor de marketing da Oi, Roberto Guenzburger.

O vice-presidente de clientes da companhia, Bernardo Winik, reforçou esse ponto: "De forma nenhuma vamos arriscar trazer produtos de qualidade duvidosa e arriscar esse ativo que estamos construindo que é o Oi Fibra, que tem qualidade reconhecida".

Em uma segunda fase, que deve começar daqui a três meses, o Oi Place contará também com a oferta de serviços relacionados a conectividade, como instalação e manutenção de equipamentos, assim como consultoria.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.