Publicidade
Início Newsletter Sateliot realiza conexão de serviço 5G em integração com rede terrestre

Sateliot realiza conexão de serviço 5G em integração com rede terrestre

Imagem: Divulgação/Sateliot

A Sateliot, operadora de satélites de baixa órbita focada no mercado de Internet das Coisas (IoT), anunciou que conseguiu estabelecer sua primeira conexão de mensagens de serviço 5G, a partir da integração com uma rede terrestre.

O feito se deu por meio da KSATlite, a rede comercial terrestre da Kongsberg Satellite Services (KSAT). O projeto também contou com core 5G nativo em nuvem e virtualizado fornecido pela Amazon Web Services (AWS) e específico para redes NB-IoT não terrestres (NTN) – nicho onde a Sateliot pretende atuar.

“A Sateliot obteve marco significativo ao estabelecer sua primeira conexão de serviço 5G usando a rede de Ground Station as a Service (GSaaS) da KSAT. Essa conquista foi possível com a integração do núcleo de rede NB-IoT NTN da Sateliot, implantada usando a AWS, com a solução multimissão KSATlite, e que agora funciona como ponto de presença (PoP) 5G”, explicou a empresa.

Notícias relacionadas

De acordo com a Sateliot, a integração entre seus satélites e os serviços de rede terrestre KSAT criaram um sistema robusto que pode habilitar cobertura global, escalabilidade e confiabilidade.

Ainda segundo a operadora de satélites, a colaboração demonstra que a Sateliot não precisa implantar seus próprios Ground Gateways dedicados para backhaul de IoT de satélite para fornecer um serviço NB-IoT não terrestre e 5G. Como resultado, a empresa explicou que essa abordagem também oferece maior flexibilidade na localização das estações terrestres.

Parcerias

“A integração bem-sucedida do serviço da Sateliot na solução KSATlite traz uma otimização de infraestrutura sem precedentes com entrega rápida e confiável de dados. Com o KSAT, reduzimos a latência global do serviço graças às localizações estratégicas de suas estações terrestres perto dos polos. Isso nos permite maximizar as passagens diárias de contato com o solo”, explicou o  CTO da Sateliot, Marco Guadalupi.

Já o CTO da KSAT, John Heskett, destacou que o mercado de satélites LEO está em constante crescimento. “A KSAT tem orgulho de ter integrado com sucesso a arquitetura do Sateliot, servindo efetivamente como seu link de alimentação gateways e seus 5G-POPs”, contou ele.

No ano passado, a Sateliot já havia fechado acordos estratégicos com centenas de fornecedores de soluções IoT para trazer conectividade padrão de satélite 5G às indústrias.

O movimento faz parte da estratégia da marca para atender demandas de digitalização em setores como agricultura, pecuária e logística marítima, por exemplo. Uma dessas parcerias foi com a Telefónica, o que resultou em uma validação de serviço ponta a ponta com a companhia de telecom.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Sair da versão mobile