Operadoras solucionaram 89% das reclamações no site Consumidor.gov

Dados da Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) mostram que o setor de telecomunicações registrou um índice de soluções de 89,3% na plataforma Consumidor.gov. Foi o maior índice registrado entre os dez principais setores participantes da plataforma e ficou acima da média de 78,4%.

Segundo informação divulgada pela Senacon, o setor de telecomunicações registrou queda de 4,9% no número de reclamações registradas na Consumidor.gov. Entre os 10 setores mais reclamados, só telecom e comércio eletrônico apresentaram redução.

Em 2020, as empresas de telecomunicações responderam por 26,6% das queixas registradas na plataforma. O índice caiu para 21,1% em 2021.

Notícias relacionadas

Ainda de acordo com dados da Senacon, o índice de soluções de bancos, financeiras e administradoras de cartão foi de 79,3%, 77,7% para comércio eletrônico, 76,3% para transporte aéreo e 74,9% para empresas de pagamento eletrônico.

"O trabalho feito pelas empresas para melhorar a relação com o consumidor, com investimentos na prestação do serviço, mas também nos canais de atendimento, tem surtido efeito e o resultado é a queda nas reclamações em todas as plataformas. Além da redução nas queixas registradas na Consumidor.gov, as reclamações de usuários de telecom registradas na Anatel caíram quase 25% no ano passado", afirmou em comunicado o presidente executivo da Conexis Brasil Digital, Marcos Ferrari.

A entidade volta a atribuir as quedas também às ações das empresas dentro do Sistema de Autorregulação das Telecomunicações (SART), que tem trabalhado em normativos para melhorar a relação com o consumidor. Além da plataforma Não Me Perturbe, que permite ao consumidor bloquear ligações de telemarketing de empresas de telecomunicações e de crédito consignado, o SART tem atuado em outras áreas, como a de oferta e atendimento, buscando melhorar, simplificar e deixar mais transparente as ofertas feitas pelas empresas, o que reduz dúvidas sobre o que é cobrado do consumidor.

O setor também implantou a automação de processos relacionados ao faturamento, como a emissão de segunda via e envio de comprovante de pagamento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.