Senado norte-americano confirma pesquisadora antitruste como comissária da FTC

[Publicado no Mobile Time] A Casa Branca planeja nomear uma pesquisadora antitruste e fervorosa crítica às Big Techs para presidir a Comissão Federal de Comércio (FTC) dos Estados Unidos. O nome de Lina Khan começou a circular no noticiário internacional como uma especulação ainda nesta terça-feira, 15, mas poucas horas depois o Senado a confirmou como comissária da agência por 69 votos contra 28.

Khan assumirá o comando da presidente interina e democrata Rebecca Kelly Slaughter, que liderou a comissão já sob a presidência de Biden. Um terceiro comissário será nomeado para suceder o democrata Rohit Chopra, indicado por Biden para liderar o Departamento de Proteção Financeira do Consumidor. A FTC é composta por cinco comissários que votam em questões de fiscalização do comércio, tendo até três pessoas vindas do mesmo partido. E tudo indica que Biden deverá promover Khan a presidente permanente em breve.

Recentemente, Khan lecionou na Columbia Law School e fez parte da equipe do painel antitruste do Comitê Judiciário da Câmara, onde ajudou a escrever um relatório que criticava duramente Amazon, Apple, Facebook e Alphabet por supostamente abusarem de seu domínio econômico.

Notícias relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.