Brasil Telecom investe R$ 300 milhões na rede 3G

A Ericsson e a ZTE vão dividir um contrato de R$ 300 milhões da rede 3G da Brasil Telecom, que lançou serviços no final de abril, assim que assinou contrato das licenças de 2,1 GHz com a Anatel. A Ericsson tem 81% do contrato e será a fornecedora da rede de acesso nos Estados de Goiás, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Distrito Federal e é a única fornecedora do core da rede 2G/3G. A ZTE ficou com os Estados de Roraima, Acre e Tocantins.
Hoje, a Brasil Telecom já conta com 375 estações radiobase em funcionamento para cobertura de dez capitais. A cobertura plena acontece até o dia 30 de junho quando a empresa contará com 1,1 mil sites, informa o vice-presidente de operações da Brasil Telecom, Francisco Santiago.
A principal oferta da BrT é o pacote Pluri, que une telefonia e internet fixa, móvel, TV/vídeo e minimodem grátis por R$ 104,90 mensais. Santiago destaca que o assinante pode escolher qualquer serviço separado, a exemplo do pacote de voz local, ilimitado, com tarifa flat de R$ 99.

Notícias relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.