Covid-19: Anatel observa alta de 35% em reclamações sobre Internet fixa

Fonte: pixabay.com

Apesar de avaliar positivamente a performance das redes fixas durante a pandemia do novo coronavírus (covid-19), a Anatel observou um crescimento "fora da normalidade" nas reclamações com o serviço desde o início do isolamento social no País. Segundo a superintendente de relações com consumidores da agência, Elisa Leonel, houve um salto de 35% nas queixas relacionadas com Internet fixa durante o período.

"O que mais chamou atenção foi o aumento de reclamações sobre a rede fixa", afirmou a superintendente, durante evento online promovido pelo Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) nesta quarta-feira, 3. De acordo com Elisa Leonel, o aumento foi "fora da normalidade" e alcançou marca entre 34% e 35%. Medidas de isolamento social passaram a ser adotadas no País há aproximadamente 11 semanas.

Por outro lado, ela pontuou que o efeito era "esperado" quando considerado o aumento da importância do serviço para o usuário e a mudança no perfil de consumo, de centros comerciais para residenciais. "O planejamento de redes não estava preparado para esse isolamento", lembrou ela, destacando que, nas primeiras semanas, certos trechos registraram alta de 50% a 70% no tráfego.

Desde então, o trabalho da Anatel com operadoras no comitê de crise para a pandemia tem dado resultados, avalia. "Ainda estamos em momento de desafio, pois estamos em uma crise sem precedentes, mas dadas todas as medidas que implementamos junto às prestadoras e empresas de conteúdo [que adotaram medidas para redução do consumo de banda], podemos dizer que as redes têm funcionado a contento".

"Problemas sempre vão ocorrer, mas o importante é que as prestadoras respondam de maneira ágil", prosseguiu a superintendente. De acordo com Leonel, em outros serviços de telecom há estabilidade no número de reclamações e, em alguns casos (não especificados durante o evento), até quedas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.