Vogel fecha parceria com Silica Networks para integrar redes no Chile e na Argentina

Visando oferecer conexão direta entre Brasil, Chile e Argentina, as operadoras Vogel Telecom e Silica Networks fecharam um acordo de cooperação para fazer a interconexão das redes das duas companhias nesses países. Segundo informou a Vogel nesta sexta-feira, 2, a nova estrutura permitirá uma capacidade de backbone de até 4 Tbps com latência de 40 ms entre um país e outro.

Essa infraestrutura interligada deverá começar a funcionar no início de 2021. Com essa capacidade prometida, a estimativa das empresas é que isso represente um ganho de 200% na velocidade média com a qual as operações brasileiras, chilenas e argentinas compartilham dados atualmente.

A ideia é também aumentar a capilaridade das duas empresas. A Silica Networks tem cobertura no Chile e na Argentina, e a parceria servirá para complementar a rede da Vogel com acesso a data centers desses países sem que seja necessário passar por trechos intermediários. 

A Silica Networks conta com cinco pontos de cruzamento na cordilheira dos Antes. É isso que torna a latência menor, reduzindo possibilidades de erros em operações que demandam alta capacidade de transmissão – a Vogel cita como exemplo fechamentos de folha de pagamento, planejamentos de fabricação ou encaminhamentos de estoque.

"A partir da parceria com a Silica Networks, poderemos atender de maneira ainda melhor todas as necessidades de clientes que demandam conectividade de alta performance tanto com o Chile, quanto com a Argentina. Paralelamente, estaremos assumindo uma posição diferenciada no mercado, já que seremos uma das únicas operadoras no Brasil a oferecer serviços de ponta-a-ponta para esses dois países", avalia o diretor de projetos estruturantes da Vogel, Sandro Augusto, em comunicado.

Ásia e EUA

A parceria acaba por também ampliar o alcance geográfico da Vogel com uma saída para o Oceano Pacífico e, consequentemente, a países e regiões diferentes, como a Costa Oeste dos Estados Unidos (Los Angeles, San Francisco) e mesmo o Sudeste Asiático. Da outra parte, a Silica terá acesso à rede terrestre brasileira, especialmente na região Sul.

"Através dessa nova via de acesso, Vogel e Silica Networks combinadas serão capazes de levar o mercado financeiro de São Paulo ao Sudeste Asiático, a partir de uma velocidade média de conexão equivalente a que hoje existe entre a capital paulista e Nova Iorque, por exemplo", disse em comunicado o country manager da Silica Networks, Jorge Salomão. De acordo com o executivo, a Vogel tem diferencial no atendimento e é "uma das únicas operadoras do País com estrutura suficiente para agir de forma complementar" ao da Silica. 

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.