Motorola lança celular em parceria com a Kodak

A Motorola anunciou nesta terça, 1, o lançamento de dez modelos de aparelhos celulares para o terceiro trimestre do ano. Entre eles, destaca-se o ZN5, com câmera de 5 megapixel e recursos de tratamento e captação de imagem, resultado de uma parceira com a Kodak. Além disso, aparelho tem recursos de edição e de compartilhamento pelo site Kodak Galery, com acesso rápido pelo menu do próprio aparelho.
Com o lançamento, a expectativa da Motorola é de abocanhar de 30% a 40% do mercado de aparelhos de 5 megapixel, categoria que se enquadra o N95 da Nokia, por exemplo. O produto deve chegar às prateleiras das lojas custando cerca de R$ 1,2 mil no plano pré-pago. Apesar da crise que a companhia enfrenta fora do País, a divisão de aparelhos da Motorola no Brasil cresceu 25% em 2007. "Em vendas de aparelhos estamos crescendo acima da média do mercado", afirma Sérgio Buniac, vice presidente para área de aparelhos.

3G

Notícias relacionadas

Apesar do foco em imagem, no compartilhamento do conteúdo e nas redes sociais, o ZN5 não é um celular 3G, mas compensa a ausência de uma conexão mais rápida com acesso WiFi. "O nosso foco não é na tecnologia e sim na experiência. O 3G na Europa foi lançado há sete anos e não foi um sucesso porque foi um lançamento de tecnologia, não de serviços", diz Edson Bortolli, diretor de produto da Motorola. Dos dez lançamentos anunciados, apenas dois deles são 3G. Até o final do ano, a empresa planeja lançar mais dois modelos de terceira geração.
O outro aparelho de terceira geração é o V9 Ferrari Especial Edition – que tem conteúdo embarcado da fabricante de automóveis italiana, entre eles um jogo produzido pela Gameloft. Esse dois modelos são os primeiros que a Motorola apresenta de terceira geração para o Brasil. Sérgio Buniac não acredita que a empresa tenha chegado tarde ao mercado de 3G. "Vamos ter um portfólio completo de 3G no momento certo", afirma ele. Buniac mencionou pesquisa da Nielsen que aponta um "empate técnico" da Motorola com a Nokia no primeiro lugar em venda de aparelhos. "A diferença está na primeira casa decimal", diz ele. "Essa briga vai ser grande, ninguém vai querer perder espaço", completa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.