OUTROS DESTAQUES
LEGISLAÇÃO
Projeto de lei obriga a venda de celular com recepção de rádio FM
sexta-feira, 01 de dezembro de 2017 , 20h00 | POR REDAÇÃO COM AGÊNCIA CÂMARA

A Comissão de Ciência e Tecnologia da Câmara dos Deputados aprovou, nesta semana, a obrigatoriedade de que os aparelhos de telefonia móvel importados, fabricados ou montados no Brasil contenham a funcionalidade de recepção de sinais de rádio em frequência modulada (FM). Pelo texto, a funcionalidade deverá ser habilitada antes da distribuição e da venda no país.

O texto aprovado é o substitutivo apresentado pelo deputado Paulo Magalhães (PSD-BA) ao Projeto de Lei 8438/17, do deputado Sandro Alex (PSD-PR). Originalmente, a proposta tratava apenas dos celulares fabricados ou montados no Brasil, sem abranger os importados.

O substitutivo também retira a imposição de prazo para que o Poder Executivo regulamente a iniciativa e exclui o trecho que impõe ao governo federal a responsabilidade para fiscalização e homologação dos aparelhos.

A proposição tramita em caráter conclusivo e ainda será analisada pela Comissão de Constituição e Justiça, antes de ser enviada ao Senado. 

 

COMENTÁRIOS

1 Comentário

  1. TEOTONIO KO FREITAG disse:

    Que loucura nossos deputados aprontam!

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet. Organizado há 17 edições pela TELETIME e pelo Centro de Estudos de Políticas de Comunicações da Universidade de Brasília (CCOM/UnB), o evento congrega reguladores, formuladores de políticas, acadêmicos, empresas e analistas para um debate aberto sobre os temas mais relevantes e que serão referência ao longo do ano. Em 2018, estão em discussão uma agenda possível para o setor, o impacto do cenário eleitoral sobre as telecomunicações, a atuação  do Congresso Nacional sobre as políticas do setor de telecomunicações e Internet e as referências regulatórias internacionais.

20 de Fevereiro
, ,
EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet

20 de Fevereiro
 
Top