Senadores querem ouvir Oi e Anatel sobre recuperação judicial

A situação financeira da Oi preocupa os senadores. Por esta razão, a Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle (CMA) do Senado aprovou, nesta terça-feira, 28, requerimento para ouvir representantes da operadora e da Anatel sobre os impactos para os consumidores do pedido de recuperação judicial da empresa de telefonia.

A ideia da audiência pública, que ainda será agendada, foi apresentada pelo presidente do colegiado, senador Otto Alencar (PSD-BA). O pedido de recuperação judicial foi feito no dia 20 deste mês e tem o intuito de tentar reestruturar a dívida da empresa, que gira em torno de R$ 65 bilhões.

Notícias relacionadas

Alencar também quer que a Anatel aborde os problemas dos serviços de telefonia móvel, de TV por assinatura e da banda larga prestados no Brasil. "A Anatel tem sido complacente e conivente com os erros e a má qualidade dos serviços prestados no País. Não é só a Oi não, é a Vivo, a Claro, a TIM, a Sky. O consumidor está sendo permanentemente lesado", afirmou o senador.

O senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO) sugeriu que o Senado instale uma CPI da Anatel e dos prestadores de serviço de telefonia para apurar responsabilidades. "Como a Anatel deixou chegar nesse ponto? Claro que não aconteceu do dia para a noite", disse.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.