Hyundai lança serviço de conectividade veicular com a Vivo

[Publicado no Mobile Time] A Hyundai apresentou nesta segunda-feira, 26, o seu serviço de conectividade para veículo, o Hyundai Bluelink. Feito em parceria com a Vivo, a solução levará o LTE aos carros da linha HB20 2022, além de serviços de segurança e conveniência da montadora para os motoristas.

"Isso faz parte da nossa estratégia global de fornecedor de conectividade e soluções inteligentes de mobilidade e está vindo para Brasil e América Central", disse Ken Ramirez, presidente da Hyundai na América do Sul e Central, durante coletiva com a imprensa nesta manhã. "Tecnologia é uma peça chave para o futuro da companhia", completou.

Atualmente, o Bluelink está na Ásia, Europa e América do Norte.

Notícias relacionadas

Conectividade auto

De acordo com Alex Salgado, vice-presidente de B2B na Vivo, a entrada do Bluelink, por meio dos serviços de conectividade e Internet das Coisas da Vivo, transforma o carro em "extensão da casa e do escritório" do consumidor. O executivo da operadora destacou que o diferencial no serviço de conectividade da montadora são: o uso do chip de telefonia eSIM; separação do tráfego de telemetria de entretenimento; e a autogestão de IoT.

Por sua vez, Rodolfo Stoppa, diretor adjunto de planejamento da Hyundai, explicou que a proposta do Bluelink para os motoristas dos novos HB20 2022 está estruturado em oferecer central de atendimento dedicada, data center para armazenar os dados do veículo – respeitando a LGPD – e aplicativo Bluelink (Android, iOS) para amplo controle do carro.

Stoppa afirmou que a proposta da empresa é "democratizar a conectividade nos carros". Por isso, a Hyundai escolheu começar sua jornada de conectividade no Brasil com o HB20, o modelo mais popular da empresa. Posteriormente, a Hyundai levará o Bluelink a outros veículos da montadora.

Questionado por Mobile Time sobre entrada de serviços de terceiros no ecossistema da Hyundai, o diretor da montadora confirmou essa possibilidade: "Estamos entrando em uma nova era. Era de serviço e assinatura. A indústria como um todo não vai vender apenas carros, venderá serviços também", disse Stoppa. "Sabemos que o Bluelink gera uma quantidade massiva de dados, mas acreditamos que novos serviços serão derivados", continuou. A própria parceria com a Liberty já uma consequência disso", completou o diretor adjunto de planejamento da Hyundai ao explicar que os clientes que aderirem ao Bluelink terão até 15% de desconto em apólices da Liberty Seguros.

Serviços

O usuário pode acionar as centrais de atendimento pelo app ou por meio de botões localizados no retrovisor do carro. Um botão é para assistência em acidente, roubo ou pane do veículo (SOS) e o outro é para acionar a central de atendimento ao cliente (Bluelink) e tirar dúvidas sobre o veículo.

Dos serviços, o Bluelink está dividido em cinco grupos que podem ser acessados pelo aplicativo e painel do carro: segurança e assistência ao motorista; prevenção ao roubo; conveniências; alertas; e cuidados com o carro.

Dentro desse universo estão soluções como:

  • rastreamento do veículo em caso de roubo;
  • notificação de veículo;
  • partida remota pelo app;
  • travar ou destravar as portas;
  • acionamento do pisca alerta e do alarme;
  • estado do veículo: se o motorista deixou porta ou janela aberta, por exemplo;
  • find my car: encontre meu carro, na tradução live do inglês;
  • alerta de limite de horário de uso do carro: definido pelo motorista, via app, depois de um determinado horário, o veículo não pode ser usado;
  • alerta de cerca geográfica: cria uma cerca eletrônica que proíbe o carro de ir além dela. Caso o veículo ultrapasse, o motor desliga automaticamente;
  • alerta de valet e modo valet: alerta se o valet está mexendo seu carro;
  • relatório de uso do carro.

Nota-se que o Bluelink não conta com Wi-Fi, atualização OTA ou roaming internacional.

Disponibilidade

Como opcional nos modelos 2022 do HB20 Evolution, Vision 1.6 (Hatch e Sedan) e como item de série (embarcado) nas versões Sport e Diamond, o pacote Bluelink custa R$ 1,4 mil e a assinatura mensal, R$ 30 com seis meses de degustação sem cobrança.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.