Publicidade
Início Newsletter Controladora da Vivo escolhe Ericsson e Nokia para fornecer 5G standalone na...

Controladora da Vivo escolhe Ericsson e Nokia para fornecer 5G standalone na Espanha

Na Espanha, a Telefónica já definiu os fornecedores de sua rede 5G: Ericsson e Nokia. A controladora da Vivo confirmou nesta sexta-feira, 16, que as duas empresas dividirão igualmente a infraestrutura da rede standalone da companhia utilizando as faixas de 3,5 GHz e 700 MHz. O contrato tem duração até 2026, e se complementa com o contrato de 2020 com as mesmas empresas que contemplava o 5G não standalone e DSS.

Segundo a Telefónica, a opção das duas companhias europeias foi para “dar continuidade” à parceria já existente nas redes 3G e 4G, seguindo a estratégia de outras operações do grupo espanhol, “como Alemanha, Reino Unido e Brasil”. Por outro lado, significa que a Huawei ficou de fora da rede de quinta geração da operadora na Espanha, já que a empresa não fornecia equipamentos nas tecnologias legadas. 

A própria Telefónica afirma que a companhia chinesa é fornecedora em 65% da rede da Vivo no Brasil, enquanto a Ericsson tem os 35% restantes. Na Alemanha, a Nokia e a Huawei partilham a rede da Telefónica Deutschland. No Reino Unido, a O2 também é 50/50 com Nokia e Ericsson, como é na Espanha.

Notícias relacionadas

Em comunicado, o diretor geral de operações, rede e TI da Telefónica España, Joaquín Mata, afirmou que “tanto Ericsson como Nokia têm respondido de forma excelente nas implantações de rádios nas redes 2G, 3G e 4G” no país europeu. “No 5G, ambos os fornecedores também demonstraram estar super preparados tecnicamente, de forma que nos sentimos muito confortáveis em dispor dos melhores parceiros tecnológicos que nos ajudarão a desenvolver o 5G com o nível máximo de qualidade”.

A faixa de 3,5 GHz ainda será leiloada a partir do dia 21 de julho próximo. A ideia é oferecer complementaridade à rede 5G que a Telefónica já tem, que atualmente conta com 22 mil estações radiobase e com cobertura de 80% da população espanhola. A companhia utiliza as faixas de 1.800 MHz e 2,1 GHz tanto com 5G não standalone como com compartilhamento dinâmico de espectro (DSS). 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sair da versão mobile