TVA critica demora na homologação de equipamentos 2,5 GHz

Há vários meses o mercado brasileiro aguarda a homologação de equipamentos WiMAX em 2,5 GHz pela Anatel. Segundo a diretora geral da TVA, Leila Loria, é essa demora que está atrasando os planos da operadora de TV por assinatura em oferecer serviços comerciais nessa tecnologia. "Lançamos a rede em São Paulo com equipamentos da Motorola, mas por enquanto o acesso é gratuito, porque não podemos cobrar enquanto os equipamentos não estiverem homologados", explicou.
Enquanto isso, equipamentos em 3,5 GHz, freqüência usada pela Embratel, já passaram pelo processo de certificação no órgão regulador. Vale lembrar que a indústria de equipamentos WiMAX em 2,5 GHz é muito maior que a de 3,5 GHz no mundo todo. Há maior variedade equipamentos e a preços mais baratos em 2,5 GHz. O que se comenta no mercado é que a Anatel estaria esperando resolver o que será feito com o espectro de 2,5 GHz das operadoras de MMDS antes de certificar equipamentos WiMAX nessa faixa. Enquanto isso, a diretora da TVA protesta: "só queremos usar o que é nosso".

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.