Samsung ainda não fala sobre planos de TVs com Android

A chegada do sistema operacional Android ao universo dos televisores pode ser um fato isolado promovido pela Lenovo, ou pode ser uma tendência. A Samsung, uma das principais parceiras do Google no desenvolvimento do Android em dispositivos móveis, fez mistério sobre a possibilidade de fazer algo parecido. Tim Baxter, presidente da Samsung Electronics America, em painel durante o CES 2012, que acontece esta semana em Las Vegas, preferiu fazer mistério sobre o tema. A Samsung, no evento, também anunciou um dispositivo para conectar aquelas TVs que hoje não são conectadas e dotá-las de funcionalidades mais parecidas com as SmarTVs disponíveis no mercado.

Notícias relacionadas
Mas a Samsung fez questão de dizer que não é uma empresa de conteúdo e nem uma empresa de "cloud services", apesar de no segmento de smartphones e tablets ela se esforçar para aprimorar aplicações Android e otimizá-las para suas plataformas.

No mesmo painel, Eric Schmidt, chairman do Google, disse que a estratégia do Android é criar o maior ecossistema de desenvolvedores de aplicativos, fabricantes de equipamentos e provedores de conteúdo possível, e que é positivo que o sistema operacional esteja em novos dispositivos.

O problema, colocou o moderador, é a fragmentação que essa estratégia vem causando, já que não existe apenas um Android. Schmidt reconhece que existe uma certa fragmentação, mas que isso não é necessariamente um problema. "É essa flexibilidade que incentiva a inovação", diz ele, lembrando que a maior parte da interação entre os novos dispositivos e a rede (cloud) se dará por smartphones e tablets.

Para o executivo do mercado financeiro Bill Gurley, da Benchmark Capital, que investe em muitas empresas inovadoras, a estratégia do Google com o Android é extremamente defensiva:  "o que o Google está defendendo com o Android é seu principal patrimônio: (o mercado de) busca".

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.