Número de assinantes da Telefônica permanece estável

A Telefônica/Telesp, concessionária fixa no Estado de São Paulo, chegou ao final do terceiro trimestre deste ano praticamente com a mesma base de linhas em serviço (12,561 milhões), equivalente a 0,4% a menos do que os 12,561 milhões registrados em setembro do ano passado. Segundo seu balanço trimestral, a empresa também apresentou nos nove primeiros meses do ano em relação ao mesmo período de 2001 um resultado operacional negativo, de 12,9%, para R$ 1,157 bilhão, e um resultado líquido 11,3% inferior. As quedas deveram-se à depreciação dos ativos da empresa, de 22%, ampliados ao longo do ano passado para a expansão do atendimento em consequência da antecipação das metas de universalização.
Em compensação, a Telefônica destaca ter obtido crescimento de 13,8% no EBITDA acumulado de janeiro a setembro, para R$ 3,85 bilhões. A receita operacional líquida também cresceu no período, em 10,7%, para R$ 7,34 bilhões. O Speedy, serviço de acesso rápido à Internet por ADSL da operadora, atingiu no final de setembro último uma base de 306,5 mil clientes, volume 115,5% superior aos 142,3 mil usuários no mesmo período de 2001.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.