Sinais piratas chegam a 11,44 milhões de lares na América Latina

O maior "player" da TV por assinatura na América Latina é a pirataria, aponta estudo da Dataxis. De acordo com o levantamento – feito na Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, México, Perú e Venezuela -, aproximadamente 11,44 milhões de lares na região contavam com sinal pirata da TV paga até o final de 2011.

Notícias relacionadas

O relatório leva em conta diferentes modalidades de pirataria, como roubo do sinal do poste, no caso do cabo analógico; divisão de um pacote residencial em mais de um endereço; cardsharing, quando o sistema de acesso condicional é quebrado; e, o mais comum, Internet Key Sharing (IKS), quando o acesso condicional da operadora é quabrado e o código é distribuído para todos os "assinantes piratas" pela Internet. Esta última modalidade acontece principalmente com o sinal de operadoras de DTH. Até o final de 2011, 4,78 milhões de lares recebiam sinal ilegal de DTH, sendo 2 milhões pelo IKS.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.