Copa terá geração de imagens até para celular

A HBS (Host Broadcast Services), que provê a transmissão dos jogos da Copa do Mundo 2006 da Fifa, na Alemanha, promoveu um workshop para as empresas de novas mídias ? Internet e celular, basicamente – que compraram os direitos do evento. Todos os 64 jogos serão gerados em HDTV (TV de alta definição), o que é apresentado como um marco na geração de conteúdos sobre um evento deste porte e com qualidade para os diversos formatos de telas, das maiores à do telefone celular. No centro de transmissão de Munique, está em fase de finalização de uma unidade totalmente dedicada às novas mídias. As empresas que adquiriram os direitos receberão o pacote de sinais já limpo, sem necessidade de edição. O material padrão é baseado em licenças de quatro minutos, que podem ser utilizados de maneira criativa, como clipes "quase ao vivo", resumos dos jogos, acompanhados de gráficos e narração em outros idiomas. Estes chamados ?near live? clips chegarão aos usuários em questão de minutos. O editor vai trabalhar o enquadramento que sirva tanto para seleções wide-screen quanto para monitores convencionais. O sinal dos clipes será codificado e acessado pelas empresas licenciadas a partir do servidor central da HBS, via redes de dados (as redes de TV receberão todo o conteúdo dos jogos via satélite). Tudo isso deve gerar um delay (atraso) de cinco minutos até que o assinante destes serviços tenham os conteúdos em seus receptores.

Globo.com

Entre as empresas de nova mídia que adiquiriram o evento da Fifa estão a Telefónica S.A, a sul-coreana Daum Communications Corp., a norte-americana Univision e a brasileira Globo.com. A Globo.com promete anunciar em breve as novidades do seu portal para a Copa do Mundo ? o site já está no ar, mas de acordo o diretor de marketing da empresa, Frederico Monteiro, haverá muitas novidades no site definitivo da Copa, onde poderão ser vistos vídeos de todos os jogos. ?Nunca o mercado viu nada igual ao que teremos?, adianta. O Grupo Globo também adquiriu os direitos da Copa para conteúdo no celular, que serão também trabalhados pela Globo.com.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.