MCTIC prepara programa para Cidades Digitais

Vítor Menezes, secretário de telecomunicações do MCTIC

O Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) lançou nesta quinta-feira, 5, o acordo de cooperação com o Ministério de Desenvolvimento Regional para o desenvolvimento do programa Câmara Cidades 4.0, com o foco de estimular a digitalização dos municípios. De acordo com o secretário de telecomunicações do MCTIC, Vitor Menezes, o objetivo é reorganizar os incentivos das outras áreas de governo, para otimizar os investimentos, com orientação para a digitalização dos serviços públicos. A Câmara contempla um dos segmentos definidos (cidades) no decreto que instituiu as prioridades da estratégia nacional para a Internet das Coisas (IoT) e será um espaço para debates envolvendo governo, setor privado, academia e Poder Legislativo.

Menezes informou que o primeiro

Notícias relacionadas
passo será conhecer a realidade dos municípios, estabelecendo indicadores. "Omodelo considera níveis que variam entre um e cinco, com base em aspectos como:planejamento para se tornar uma cidade inteligente, ações alinhadas a esteplanejamento, integração com outras unidades da federação e o que foi efetivamenteimplantado e encontra-se em fase de otimização", explicou. O resultado iráalimentar o debate na Câmara Cidades 4.0.

O secretário também revelou queserá publicado um decreto presidencial com uma política pública, baseada emrecomendações na União Internacional de Telecomunicações (UIT), que irãonortear as diretrizes de avaliação das cidades.

Após o levantamento dos dados dosmunicípios, o foco será a construção de um novo plano para estimular e orientarinvestimentos na digitalização dos municípios. A expectativa é de que otrabalho seja concluído até o final do primeiro semestre de 2020. Além dosegmento cidades, a estratégia nacional de IoT deverá abordar indústria, saúde,e segmento agrícola.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.