Bovespa em dólares está perto de ponto crítico

Vários profissionais do mercado de capitais ouvidos por TELETIME News consideram que o Risco Brasil de 1.700 pontos está exageradamente alto, compatível com os piores choque vividos nos últimos dez anos. E que, para manter a exata correlação histórica entre risco, índice e taxa de câmbio, o Ibovespa poderia cair até um piso de 9.500 pontos (queda de 11,2%) e o dólar alcançaria um teto de R$ 3,30 (+15%). Ou seja: a bolsa está chegando novamente a um ponto de compra, assumindo-se que a taxa de risco não vai cair. Ninguém, porém, ainda faz essa recomendação. Mas o script para o reinício do interesse pelas ações está feito: no caso de telecom, apenas empresas com dívidas em moeda estrangeira protegidas ao máximo por hedge (as já citadas Telesp/Telefônica, celulares da TIM e Tele Centro Oeste Celular).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.