OUTROS DESTAQUES
Banda larga móvel
Conteúdo gerado pelo usuário é destaque também no celular
terça-feira, 27 de março de 2007 , 13h56 | POR FERNANDO PAIVA, DE ORLANDO

Um dos temas recorrentes na edição deste ano da CTIA Wireless, que acontece esta semana em Orlando, são os serviços com conteúdo gerado pelo usuário. O tema foi abordado por dois dos principais palestrantes na abertura do evento: Randall Stephenson, COO da AT&T, e Peter Knook, vice-presidente sênior para negócios de comunicações móveis da Microsoft. "Não podemos limitar o uso dos serviços. O consumidor quer flexibilidade e liberdade. Estou convencido de que a próxima killer application será a facilidade de uso", afirmou Stephenson, para, logo em seguida, apresentar o serviço de "video share", que a AT&T lançará no meio do ano nos EUA. O serviço permitirá aos clientes realizar chamadas de vídeo em tempo real. O "video share"será o primeiro serviço da AT&T a usar sua plataforma de IMS (IP Multimedia Subsystem).
O executivo da Microsoft, por sua vez, falou em estender a promessa da web 2.0 para o mundo da telefonia móvel. E destacou a necessidade de se estabelecer uma plataforma aberta para o desenvolvimento de aplicações para este fim na telefonia celular. "A web 2.0 não teria surgido se fosse dentro de sistemas proprietários", disse.
O assunto fora o tema principal da palestra do vice-presidente de multimídia da Nokia, Nigel Rundstrom, no Mobile Entertainment Live, evento que precedeu a CTIA Wireless, na última segunda-feira, 26. "Os consumidores estão tomando conta do conteúdo e das marcas. Por isso, a Nokia está trabalhando para desenvolver aparelhos que facilitem a troca de conteúdo entre usuários", afirmou.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
EVENTOS
Não Eventos
Top