OUTROS DESTAQUES
Satélites
Embratel aprova a contratação do satélite StarOne D2, para subir daqui a três anos
segunda-feira, 21 de agosto de 2017 , 22h54

Em entrevista a este noticiário, o presidente do grupo América Móvil no Brasil, José Félix, confirmou que já foi aprovado o investimento para a compra, pela StarOne, de mais um satélite em banda Ku e Ka, para ser lançado em 2020 ou 2021, o StarOne D2. Segundo Félix,  a estratégia segue sendo a mesma do D1, ou seja, usar a banda Ka para backhaul e também para o mercado corporativo.  "O foco ainda não é o segmento residencial. Ainda é muito caro, e tem muita gente fibrando as cidades, mas a gente vai continuar analisando e se baratear pode ser um produto. É um projeto para os próximos três anos e tem que ser planejado agora se quisermos continuar nesse mercado, e nós queremos. Com dez satélites, somos os maiores operadores de satélite da América Latina e a única no Brasil", disse Félix.

Evento

Nos dias 31 de agosto e 1 de setembro TELETIME e a Glasberg Comunicações organizam no Rio de Janeiro o Congresso Latinoamericano de Satélites. Um dos temas em debate no evento é a estratégia das empresas para explorarem o mercado de banda Ka no Brasil. A StarOne participa com seu diretor geral, Gustavo Silbert, de um debate sobre as tendências e o mercado de satélites no Brasil. O evento tratará ainda do mercado de DTH (com presenças da Sky, Claro TV e Oi TV), do mercado de Internet das Coisas, Comunicações Embarcadas e com a apresentação regulatória do presidente da Anatel, Juarez Quadros. Mais informações sobre o evento pelo site www.satelitesbrasil.com .

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
EVENTOS
Não Eventos
Top