OUTROS DESTAQUES
Longa distância
Telemar reclama de competidoras e pede às celulares ?co-billing pleno?
quarta-feira, 07 de julho de 2004 , 18h41 | POR REDAÇÃO

Após um ano de implementação do código de seleção de prestadora (CSP) de longa distância no celular, a Telemar reclama que ainda tem dificuldades no co-billing com as operadoras de telefonia móvel. De acordo com o diretor de longa distância da concessionária, Jorge Braga, a Telemar não está conseguindo lançar uma série de promoções no serviço para celulares porque as operadoras móveis alegam problemas técnicos em seus sistemas de billing. ?É no mínimo falta de organização e preparação elas não seguirem as regras do SMP tanto tempo depois da migração?, reclama o executivo.
A operadora pede o que chama de ?co-billing pleno?, ou seja, não haver obstáculos para a criação de promoções diversas na longa distância para telefonia móvel que serão cobradas depois na conta do celular do cliente. Segundo Braga, a Oi já oferece ?co-billing pleno? para todas as operadoras de longa distância.
Um exemplo de promoção que poderia ser criada é a oferta de minutos gratuitos de longa distância no celular para aqueles clientes que já usam bastante o código da Telemar nas ligações originadas de suas linhas fixas.

Market share

Segundo um estudo encomendado pela Telemar junto à Lippe Pesquisas, 51% dos usuários de telefones celulares da região I utilizam seu CSP nas ligações de longa distância. Além disto, a operadora comemora o fato de, pelos dados da Anatel, ter aumentado de 13,79% para 24,45% seu market share no mercado nacional de longa distância (tanto fixo quanto móvel) entre 2000 e 2003.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top