OUTROS DESTAQUES
Serviços
Radiodifusores querem isonomia com o celular
quinta-feira, 18 de Março de 2004 , 18h19 | POR REDAÇÃO

A Abert (Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão) tem posição firme em relação à possibilidade de oferta de serviços com conteúdo audiovisual por meio das redes móveis das empresas de telefonia celular. ?Radiodifusão e telecomunicações são duas coisas distintas na Constituição. No momento em que as empresas de telecomunicações oferecem conteúdos de comunicação social, é necessário que haja regras isonômicas?, diz Paulo Machado de Carvalho Neto, presidente da Abert. ?Estamos sujeitos a muitas regras, a classificação indicativa de conteúdo, a regras de responsabilidade editorial. Essas regras não são observadas pelas empresas de telecomunicações?.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top