OUTROS DESTAQUES
Handsets
Nokia tem 34,7% das vendas mundiais de handsets, diz Gartner
quarta-feira, 10 de Março de 2004 , 17h13 | POR REDAÇÃO

As vendas globais de terminais móveis totalizaram 520 milhões de unidades no ano passado, com crescimento de 20,5% sobre 2002 (431 milhões), de acordo com pesquisa do Gartner divulgada nesta quarta-feira, 10. Esses resultados foram obtidos pela demanda tanto de reposição dos mercados maduros quanto pela venda em mercados emergentes, mais alta que a expectativa dos fabricantes. Para este ano, a estimativa é que esse patamar seja mantido, pelo menos neste primeiro trimestre do ano. A projeção do Gartner é que 2004 termine com 580 milhões de aparelhos móveis vendidos.

Market share

A Nokia continua na liderança de mercado mundial e caminha para liderar também o mercado norte-americano. No entanto, regiões da Europa Oriental e da Ásia/Pacífico representarão alguns desafios para a fabricante finlandesa.
Na seqüência, veja o market share de cada fornecedor de terminais móveis: A Nokia detinha, no ano passado, 34,7% das vendas globais (35,1% em 2002). Em segundo lugar, vem a Motorola, com 14,5% (16,9% em 2002); Samsung com 10,5% (9,7% em 2002); Siemens, 8,4% (8% em 2002); Sony Ericsson com 5,1% (5,4% em 2002); LG, 5% (3,2% em 2002); e os demais fabricantes com 21,8% (21,7% em 2002).

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet. Organizado há 17 edições pela TELETIME e pelo Centro de Estudos de Políticas de Comunicações da Universidade de Brasília (CCOM/UnB), o evento congrega reguladores, formuladores de políticas, acadêmicos, empresas e analistas para um debate aberto sobre os temas mais relevantes e que serão referência ao longo do ano. Em 2018, estão em discussão uma agenda possível para o setor, o impacto do cenário eleitoral sobre as telecomunicações, a atuação  do Congresso Nacional sobre as políticas do setor de telecomunicações e Internet e as referências regulatórias internacionais.

20 de Fevereiro
, ,
EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet

20 de Fevereiro
 
Top