Em 30 dias, pesquisa da Konkero recebe 1.646 reclamações contra a telefonia móvel

A consultoria financeira Konkero identificou em levantamento que as principais reclamações dos usuários da telefonia móvel no Brasil são falta de sinal, Internet 3G que não funciona e cobranças indevidas.

Segundo a empresa, foi colocado no ar por 30 dias um site chamado “Alô, quero falar!”, no qual os usuários podiam postar reclamações contra os serviços prestados pelas operadoras. No período, pessoas de 24 estados brasileiros fizeram reclamações.

A consultoria registrou queixas de 1.646 pessoas, que relataram 2.181 problemas. Desse total, 50% foram queixas sobre falta de sinal para efetuar ou receber ligações e 15% sobre dificuldades para acessar à Internet.

Dentro da categoria problemas com sinal, a queda das ligações durante a chamada representou 14% dos relatos registrados no site. Cobranças indevidas e falha no envio de mensagens também foram responsáveis por 10% e 7% das queixas, respectivamente. O site “Alô, quero falar!” recebeu queixas de usuários de cinco operadoras de telefonia móvel do País: Claro, Nextel, Oi, TIM e Vivo.

Operadoras

Das cinco operadoras pesquisadas, a TIM foi a que teve percentualmente mais reclamações, 54%. Em seguida veio a Claro, com 16% das queixas. A terceira operadora com maior número de reclamações foi a Vivo, com 14% das postagens no site, seguida pela Oi, com 12%. A Nextel, que ficou em última posição neste ranking, ainda atua apenas com o serviço de trunking (radiochamadas) com a tecnologia iDEN.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.