Brasil chega a 263 milhões de linhas móveis ativas

A telefonia móvel no Brasil chegou à casa dos 263,04 milhões de linhas móveis ativas no final de fevereiro, informou a Anatel. Apenas no segundo mês deste ano foram habilitados 785,75 mil novos contratos do Serviço Móvel Pessoal (SMP), um crescimento de 0,30% na base de assinantes do SMP em relação a janeiro.

Os celulares pré-pagos continuam sendo a maioria disparada das linhas em atividade no País. De acordo com a Anatel, 80,27% das linhas móveis brasileiras eram dessa modalidade, enquanto as 19,73% restantes estavam na modalidade pós-paga no encerramento de fevereiro.

A agência informou também que a teledensidade — quantidade de linhas a cada 100 habitantes — foi de 133,25 acessos, um avanço de 0,24% sobre o mês anterior.

Participação das empresas

O ranking das empresas de telefonia móvel praticamente não sofreu alteração neste mês: a Vivo se manteve na dianteira com 28,83% de participação no mercado, seguida pela TIM, que tem 26,88%. A Claro permaneceu em terceiro lugar, com 25,12% de share, e a Oi em quarto, com 18,83%. A CTBC é a quinta empresa neste ranking, com uma quota de 0,30% do total de assinantes de telefonia móvel do País. A Nextel, que iniciou a venda de linhas 3G no final de 2012, fechou o período com pouco mais de 9 mil linhas e, portanto, não chegou a impactar os percentuais. As MVNOs Porto Seguro e Datora tiveram ínfimos 0,01% de share e 0% de share, respectivamente.

Tecnologia

As linhas GSM eram a maioria dos acessos no apagar das luzes de fevereiro, com 72,31% do total de celulares habilitados. O WCDMA (3G) estava em 22,4% dos terminais. As linhas para comunicação entre máquinas (M2M) somavam 2,69% dos acessos e os terminais de dados em banda larga, 2,57% do total. Já o CDMA estava presente em 0,03% das linhas ativas.

A banda larga móvel totalizou 65,68 milhões de acessos. Entre as tecnologias, o 2G se manteve na posição de rede mais acessada no Brasil, com 72,31% de participação e 190,194 milhões de acessos. Já os acessos 3G chegaram a 65,682 milhões, ou 24,97% do total. Os terminais de dados M2M, por sua vez, fecharam fevereiro com 7,082 milhões de acessos e 2,69% de market share. Ainda em relação ao segundo mês do ano, havia 211,14 milhões (80,27%) de acessos pré-pagos e 51,90 milhões pós-pagos (19,73%).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.