Fabricantes pedem urgência na mudança no 2,5 GHz

Executivos das fabricantes de equipamentos de telecomunicações Alcatel-Lucent, NEC, Nokia-Siemens e Qualcomm estiveram nesta terça-feira, 20, com o ministro das Comunicações, Hélio Costa, para pedir agilidade na mudança da destinação da faixa de 2,5 GHz. Os representantes das empresas reforçaram a defesa da proposta feita pela Anatel, que reserva a maior parte do espectro nessa faixa para o SMP em detrimento do MMDS, que hoje usa essas radiofrequências. A proposta da Anatel transfere, em 2015, 140 MHz para as operadoras móveis deixando apenas 50 MHz para as empresas de TV por assinatura.
A consulta sobre a mudança na destinação terminou na última sexta-feira, 18, com 584 contribuições, sendo que mais de 450 comentários foram contra a proposta. A preocupação das fabricantes é que o Brasil não perca o timing para o estímulo da adoção do padrão LTE, implantado em vários países nesta faixa de radiofrequência.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.