Bernardo: investimento de telecom no Brasil deve superar R$ 23 bi este ano

O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, acredita que o investimento do setor de telecomunicações no Brasil vai superar R$ 23 bilhões este ano. Ele se baseia em números fornecidos pelo SindiTelebrasil dando conta que o investimento acumulado entre janeiro e setembro deste ano foi de R$ 16,7 bilhões. Para 2013, Bernardo está otimista e espera que os valores sejam ainda maiores, por causa da implementação da quarta geração (4G) de telefonia celular. Além das cidades-sede da Copa das Confederações, ele prevê que nenhuma operadora deixará São Paulo sem cobertura 4G no ano que vem. No ano passado, o setor investiu cerca de R$ 21 bilhões.

2,5 GHz

A respeito da demora das operadoras de TV por assinatura via rádio (MMDS) em devolver o espectro na faixa de 2,5 GHz que será usado para 4G, o ministro disse que a Anatel vai exigir a desocupação da frequência, provavelmente no fim de fevereiro, pois as teles, por sua vez, precisam entregar as redes em funcionamento em abril. Bernardo não acredita que isso ocasione um atraso do 4G no Brasil: "As teles estão instalando seus sites 4G e deixando as antenas desligadas. Quando receberem o espectro, bastará ligá-las".

O problema, que já vinha sendo noticiado por este boletim, veio à tona no lançamento do 4G da Claro em Recife na semana passada: a operadora inaugurou a rede com apenas parte do espectro adquirido em 2,5 GHz pois o restante ainda não foi devolvido.

Bernardo participou nesta segunda-feira, 17, do lançamento do serviço de IPTV sobre fibra ótica em casa (FTTH) da Oi, no Rio de Janeiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.