Telesat lança primeiro satélite de constelação de baixa órbita

A operadora canadense de satélites Telesat lançou com sucesso nesta sexta-feira, 12, seu primeiro satélite de baixa órbita (LEO). O artefato é considerado pela companhia a fase 1 da constelação LEO global que pretende lançar futuramente. A empresa já conta com autorização da agência reguladora norte-americana Federal Communications Commission (FCC) para atuar no mercado dos Estados Unidos desde novembro do ano passado.

A constelação LEO da Telesat deverá entregar banda larga de alta performance e "tipo fibra" para clientes de negócios, governo e varejo em "qualquer lugar no mundo". O sistema contará com aproximadamente 120 satélites até 2021, embora a companhia esteja considerando expandir essa configuração inicial.

A fase 1 demonstrará em testes os recursos do design do sistema da Telesat, em particular a capacidade do satélite e de terminais para consumidor de entregar experiência de banda larga em baixa latência. A infraestrutura terrestre será baseada em Allan Park, no Canadá, onde a empresa conta com teleporto e clientes para os testes iniciais.

Notícias relacionadas

O satélite foi lançado a bordo do foguete Polar Satellite Launch Vehicle (PLSV), operado pela Organização de Pesquisa Espacial Indiana (ISRO, na sigla em inglês). O satélite foi construído pela britânica Surrey Satellite Technology (SSTL), parte do grupo Airbus Defence and Space.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.