Ericsson prevê cobrir 12 milhões de usuários 3G no Brasil até 2010

A Ericsson espera disputar as futuras redes 3G no Brasil e na América Latina, como upgrade natural dos sistemas GSM já instalados. No País a empresa tem como clientes a Vivo, Claro, TIM, Brasil Telecom e Sercomtel, além de implantar a primeira rede 3G HSPA na Telemig Celular e Amazônia Celular, adquiridas pela Vivo. Segundo o vice-presidente da Ericsson, Rogério Loripe, a empresa estima cobrir no Brasil 12 milhões de usuários móveis em redes HSPA até 2010 de um mercado total (de banda larga fixa e móvel) de 24 milhões de assinantes.
A empresa, segundo Loripe, também está presente na América Latina com o fornecimento de redes GSM para a Telmex e Telefónica Móvel, no México; Personal e Movistar na Argentina, Chile, Uruguai e Peru e também a Personal do Paraguai. No Chile implantou ainda a rede GSM da Claro e HSPA da Entel.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.