Desktop: período de reserva de ações DESK3 tem início antes de IPO

Foto: Pexels

Foi iniciado nesta segunda-feira, 5, o período de reserva de ações na oferta pública inicial (IPO) em curso na provedora regional de telecom Desktop. O prazo se estende até o dia 16 de julho.

Durante o intervalo, investidores não institucionais poderão realizar solicitações na oferta de varejo – desde que observado o valor mínimo de pedido de investimento de R$3 mil e o valor máximo de R$ 1 milhão por investidor. Itaú BBA, BTG Pactual, Bradesco BBI e UBS são os coordenadores da oferta.

A expectativa é que a operadora de origem paulista estreie na B3 no próximo dia 21 de julho, sob o ticker DESK3. Antes disso, trâmites como a concessão definitiva do registro da oferta pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e a aprovação do preço por ação da companhia devem ser concluídos.

Notícias relacionadas

No contexto da oferta, a empresa espera preço por ação ordinária de emissão situado entre R$23,00 e R$28,00. A Desktop estima que, neste sentido, os recursos líquidos provenientes chegariam a R$ 734 milhões. Deste montante, a intenção é utilizar cerca de R$ 514 milhões para crescimento orgânico e outros R$ 146 milhões para aquisições.

Segundo prospecto da empresa paulista, a oferta pública prevê distribuição primária de, inicialmente, 30.435.000 ações ordinárias. Já a secundária pode ter até 6.087.000 papéis. Números da operação da Desktop (e de concorrentes com pedido de IPO em análise) podem ser conferidos nesta análise de TELETIME.

Deixe seu comentário